Cirurgia de retina e vítreo com tecnologia 3D e um novo patamar de qualidade

 

A retina é uma área fundamental para a visão humana. Ela possui um tecido que fica localizado no fundo do olho e é formado por células fotorecpetoras muito sensíveis que captam a luminosidade, a transformando em impulsos elétricos que serão encaminhados para o cérebro, onde serão interpretados e a visão será formada.

Com o aumento da expectativa de vida da população e consequente crescimento do número de pessoas idosas com doenças que afetam a retina, a medicina tem buscado soluções eficazes no tratamento de doenças retinianas.

 

Para tratamento de problemas que afetam a retina, é comum a realização de cirurgia no fundo olho, região muito sensível do corpo humano. O procedimento envolve determinados riscos e desafios para os cirurgiões, porém, o uso da TECNOLOGIA 3D para visualizar o fundo do olho durante o procedimento tem aumentado a segurança e eficácia das cirurgias da retina.

Com um centro cirúrgico moderno e equipamentos específicos, o fundo do olho é visualizado de forma tridimensional, com a percepção de profundidade e um foco mais preciso e claro. Além disso, essa nova tecnologia melhora a ergonomia do cirurgião durante o procedimento, que em alguns casos pode levar cerca de três horas. Sem a tecnologia 3D, o cirurgião precisa ficar o tempo todo olhando fixamente para um microscópio. Com equipamentos 3D, o procedimento é visualizado em uma tela de 50 polegadas e definição de 4k, o que torna todo o processo mais eficiente.

O Dr. João Guilherme Moraes, cirurgião do Centro Avançado Retina Curitiba, foi o primeiro médico do Sul do Brasil a utilizar a tecnologia e relata que desde então, todas as cirurgias são realizadas com a tecnologia.