O Dr. João Guilherme Oliveira de Moraes participará do 36 SIMASP (Simpósio Internacional Moacyr Álvaro), organizado pelo departamento de Oftalmologia da Escola Paulista de Medicina e Hospital São Paulo (UNIFESP), a realizar-se de 7 a 9 de março, na cidade de São Paulo-SP.

Neste Simpósio haverá o lançamento no Brasil de uma nova medicação chamada Aflibercepte, de nome comercial Eylia e comercializado pela empresa farmacêutica Bayer, liberada pela ANVISA primeiramente para tratamento da DMRI (Degeneração Macular Relacionada a Idade) na forma úmida ou neovascular,doença esta considerada a principal causa, em nível mundial, de perda de visão central em adultos acima de 65 anos e associada a deterioração na qualidade de vida destes pacientes em vários aspectos. Tem ainda indicações no tratamento de Oclusões venosas e no Edema Macular Diabético.

O Eylia, já aprovado também nos Estados Unidos, trata-se de terapia anti-VEGF, aplicada por meio de injeção intravítrea, com provável diminuição na freqüência necessária de aplicações em relação as drogas com ação anti-VEGF já existentes no mercado brasileiro.