Rua Bispo Dom José, 2711 Seminário - Curitiba/PR
Seg-Sex: 08:00 - 18:30
09 jan 2018

Já ouviu falar de moscas volantes?

Já ouviu falar de moscas volantes?

Moscas volantes são pequenos pontos escuros, manchas, filamentos, círculos ou teias de aranha que parecem mover-se na frente de um ou de ambos os olhos. São percebidas mais facilmente durante a leitura ou quando se olha fixamente para uma parede vazia.

Devido ao processo natural de envelhecimento, o vítreo, substancia gelatinosa que preenche o olho internamente, contrai-se e pode separar a retina em alguns pontos, sem causar necessariamente algum dano. As moscas volantes podem ser partículas minúsculas de vítreo condensado ou proteínas que ficam flutuando no vítreo e aparecem em nossa visão.

No entanto, existem casos nos quais as moscas volantes indicam problemas mais sérios como um início de descolamento de retina, que precisa de um rápido tratamento.

A visita regular ao oftalmologista é importante para diagnosticar e tratar doenças oculares no começo dos sintomas.

 

Retina Curitiba – (41) 3242-0108 – Atendemos os principais convênios

COMPARTILHE PARA AJUDAR OUTRAS PESSOAS

Saiba mais em: https://retinacuritiba.com.br/

#oftalmologia #retina #retinacuritiba #OCT #descolamentoderetina #retinabrasil #saudeocular #olhos #saude #buracomacular#retinopatiadiabetica #dmri #degeneracaomacular #congresso #oftalmo #olhar #diabetes #retinadobem @retinadobem #vítreo #moscasvolantes #manchasnoolho

09 jan 2018

Você sabe o que é o humor vítreo?

 

Você sabe o que é o humor vítreo?

O vítreo é uma substância gelatinosa e viscosa que se encontra no segmento posterior do olho, entre o cristalino e a retina. Causando pressão constante, atua de modo a manter a forma esférica do olho.

Qualquer alteração no estado ou pressão do humor vítreo pode afetar de alguma forma a visão. Com o avanço da idade, o liquido fica menos espesso, ou seja, mais líquido. Tal condição pode favorecer, por exemplo, o DESCOLAMENTO DE RETINA, além do surgimento de doenças como o GLAUCOMA, que aumenta a pressão dentro do olho, fazendo com o que o liquido pressione o nervo óptico, situação que pode causar cegueira.

Por isso, é importante visitar regularmente o seu oftalmologista, para medir a pressão intraocular e realizar outros exames de fundo de olho que podem prevenir doenças graves.

Retina Curitiba – (41) 3242-0108 – Atendemos os principais convênios

Saiba mais em: https://retinacuritiba.com.br/

#oftalmologia #retina #retinacuritiba #OCT #descolamentoderetina #retinabrasil #saudeocular #olhos #saude #buracomacular#retinopatiadiabetica #dmri #degeneracaomacular #congresso #oftalmo #olhar #diabetes #retinadobem @retinadobem #vítreo

09 jan 2018

Existe tratamento para a DMRI?

Existe tratamento para a DMRI?

A Degeneração Macular Relacionada à Idade é uma das principais causas de cegueira em pessoas com mais de 60 anos de idade. A doença atinge o fundo do olho, mais precisamente a mácula, uma região nobre, responsável pela visão central e pela percepção de detalhes nas imagens. Sua evolução pode causar a cegueira parcial ou total, distorcendo os objetos ou deixando uma mancha escura sobre a imagem.

Podendo se apresentar de duas maneiras, a doença se manifesta como DMRI SECA (forma mais branda) e DMRI ÚMIDA (ou exsudativa), uma forma mais agressiva com evolução mais rápida, que tem incidência em 10% dos casos.

No caso da DMRI SECA, existem alguns estudos em andamento e protocolos clínicos em fase de liberação para o tratamento, porém, ainda não estão disponíveis para os pacientes. No entanto, como a DMRI seca é menos agressiva e possui evolução lenta, a visão lateral pode ser preservada.

Mais agressiva, a DMRI ÚMIDA (exsudativa) é caracterizada pela formação de vasos sanguíneos anormais que, ao se romperem, afetam a mácula, podendo causar o descolamento de retina e a perda total da visão. A evolução da DMRI tipo úmida é rápida e suas consequências são mais graves. Nesse caso, o tratamento é realizado com medicações intraoculares, os chamados bloqueadores VEGF. Esses medicamentos impedem a progressão do quadro e o surgimento dos neovasos, estabilizando a doença. Em muitos casos, o tratamento consegue melhorar a visão do paciente, evitando a cegueira.

O Dr. João Guilherme Moraes afirma que é muito importante a visita regular ao oftalmologista em qualquer fase da vida, porém, em pessoas com mais de 60 anos idade, esse acompanhamento deve ser mais frequente. As doenças da retina como a DMRI geralmente são assintomáticas. As pessoas pensam que estão enxergando menos e que basta trocar de óculos para melhorar a visão e, enquanto protelam a visita ao oftalmologista, a doença vai evoluindo.

 

 

Retina Curitiba – (41) 3242-0108 – Atendemos os principais convênios

Saiba mais em: https://retinacuritiba.com.br/

#oftalmologia #retina #retinacuritiba #OCT #descolamentoderetina #retinabrasil #saudeocular #olhos #saude #buracomacular#retinopatiadiabetica #dmri #degeneracaomacular #congresso #oftalmo #olhar #diabetes #retinadobem @retinadobem

09 jan 2018

Você já ouviu falar de DMRI? Tratamento em Curitiba

Você já ouviu falar de DMRI?

A DMRI – Degeneração Macular Relacionada à Idade – é uma doença que afeta a retina, mais especificamente a mácula, região responsável pela visão central e pela percepção de detalhes nas imagens que enxergamos.

Ligada ao processo de envelhecimento, atinge pessoas com mais de 60 anos de idade e também está associada a fatores genéticos e comportamentais, como tabagismo, consumo excessivo de álcool, e sedentarismo, dentre outros.

A Degeneração Macular é assintomática, ou seja, não apresenta sintomas durante sua evolução. Quando o paciente percebe alterações, a visão já pode ter sido comprometida.

Segundo o Dr. João Guilherme Moraes, especialista em retina e vítreo, a DMRI apresenta-se com o acúmulo de drusas na mácula. As drusas são depósitos brancos ou amarelados compostos por “restos” celulares. Com o tempo esses elementos afetam as células da retina, reduzindo a visão do paciente. Além disso, pode ocorrer entupimento dos vasos sanguíneos e crescimento de vasos anormais na retina, que ao se romperem podem piorar a situação do paciente.

A Dra Camila Winckler, especialista no diagnóstico de doenças da retina, explica que existem dois tipos de DMRI, a seca (atrófica) e a úmida (exsudativa), sendo que a segunda é mais perigosa para a visão e corresponde a cerca de 10% dos casos.

Veja mais no link: https://goo.gl/k7UMn4

Retina Curitiba – (41) 3242-0108 – Atendemos os principais convênios

Saiba mais em: https://retinacuritiba.com.br/

#oftalmologia #retina #retinacuritiba #OCT #descolamentoderetina #retinabrasil #saudeocular #olhos #saude #buracomacular#retinopatiadiabetica #dmri #degeneracaomacular #congresso #oftalmo #olhar #diabetes #retinadobem @retinadobem

09 jan 2018

Diabetes pode causar cegueira e diagnóstico precoce é fundamental

Diabetes pode causar cegueira e diagnóstico precoce é fundamental

Os casos de Diabetes vêm aumentando em todo o mundo, fator que têm gerado preocupação entre autoridades de saúde. A doença, que é crônica, precisa ser controlada, por meio de uma dieta rigorosa, prática de exercícios e medicações especificas. A diabetes afeta órgãos e prejudica o funcionamento do organismo, debilitando a saúde do paciente.

A retinopatia diabética afeta o fundo do olho do paciente, causando micro hemorragias e até mesmo o descolamento da retina, que pode levar à perda parcial ou total da visão. A evolução da doença é silenciosa, ou seja, não apresenta sintomas para o paciente. Geralmente, quando os primeiros sintomas surgem, a retinopatia já pode estar em estágio avançado.

É muito importante, portanto, o diagnóstico precoce, que aumenta as chances de tratamento e reduz os riscos para a visão. Por isso, pacientes diabéticos precisam visitar o oftalmologista com regularidade para realizar exames de rotina como o mapeamento de retina, que pode diagnosticar a retinopatia diabética em seu início.

Você tem algum familiar com diabetes? Deixe seu comentário!

 

Retina Curitiba – (41) 3242-0108 – Atendemos os principais convênios

Saiba mais em: https://retinacuritiba.com.br/

#oftalmologia #retina #retincuritiba #OCT #descolamentoderetina#retinabrasil #saudeocular #olhos #saude #buracomacular#retinopatiadiabetica #dmri #degeneracaomacular #congresso

06 nov 2017

Dia mundial da diabetes terá ação inédita em Curitiba

Dia mundial da diabetes terá ação inédita em Curitiba

Afetando mais de 14 milhões de brasileiros, a diabetes é uma doença crônica, ou seja, não tem cura. É caracterizada pela dificuldade do organismo em sintetizar o açúcar, levando ao aumento do índice glicêmico. Se não for devidamente controlada, a diabetes pode afetar vários órgãos, debilitando muito a saúde do paciente.

Curitiba é uma das capitais com maior percentual de pessoas afetadas pela doença. Segundo dados do Ministério da Saúde, cerca de 8,9% dos curitibanos podem ser portadores da diabetes.

No dia 11 de novembro será realizada a maior ação da história da oftalmologia na cidade. O evento conhecido como RETINA DO BEM irá solucionar a fila do SUS para diagnóstico de Retinopatia Diabética, realizando exames de fundo de olho em pacientes diabéticos. A parceria entre a Retina Curitiba, Oftalmo Curitiba e Secretaria Municipal de Saúde visa atender milhares de pessoas que estão esperando esses exames na fila do SUS.

Evento aberto a todos

O evento também irá atender gratuitamente portadores de diabetes que não estão na fila de espera do Sistema Único de Saúde. Diabéticos que visitarem o local receberão orientação sobre a doença.

 

Serviço

 

  • Retina do Bem 2017
  • Horário: 7h às 17h
  • Local: Unidade de Saúde Ouvidor Pardinho
  • Rua 24 de maio S/N – Rebouças
  • Número de oftalmologistas envolvidos: 40 profissionais
  • Realização: Oftalmoclínica Curitiba e Retina Curitiba, em parceria com Secretaria Municipal de Saúde
  • Apoio: Sociedade Brasileira de Retina e Vítreo, Associação Paranaense de Oftalmologia.
  • Responsável Técnico: João Guilherme Moraes (CRM: 16712)
01 nov 2017

primeira cirurgia de retina 3D do sul do Brasil – NGENUITY

Hoje a nossa equipe realizou a primeira cirurgia de retina 3D do sul do Brasil. Com nosso novo aparelho, o NGENUITY, o cirurgião conta com imagens precisas em 3 dimensões. Com essa nova tecnologia, as cirurgias de retina alcançam mais segurança e melhores resultados.

O Dr. João Guilherme Moraes explica que até então, as cirurgias de retina eram realizadas com uma visão bidimensional, o que significa um maior desafio para o cirurgião, visto que a percepção de profundidade exige muita experiência e perícia. Com a tecnologia 3D existe um ganho real em qualidade, pois temos a oportunidade de identificar detalhes com maior clareza, aumentando assim, a qualidade dos procedimentos.

retina 3D facebook

Retina Curitiba – (41) 3242-0108 – Atendemos os principais convênios
#oftalmologia #retina #retincuritiba #OCT #descolamentoderetina #retinabrasil #saudeocular #olhos #saude #buracomacular #retinopatiadiabetica #dmri #degeneracaomacular #congresso

25 ago 2017

6 dicas para sua saúde ocular

6 dicas para sua saúde ocular

1 – Não use colírios sem prescrição médica

 

O colírio é um remédio e não é aconselhável utilizá-lo sem a orientação de um médico. O Dr. João Guilherme Moraes explica que ao se auto medicar, o paciente pode camuflar os sintomas de um problema maior e, sem o diagnóstico ou tratamento correto, as doenças podem prejudicar ainda mais a saúde ocular.

 

2 – Proteja seus olhos do sol

Devido à incidência dos raios UV, mesmo nos dias nublados os raios solares podem prejudicar a pele e também a visão. Doenças como pterígio, catarata e Degeneração Relacionada à Idade (DMRI) podem ter seu surgimento acelerado por conta da exposição constante aos raios nocivos do Sol. Por isso, utilizar óculos escuros de procedência é muito importante para pessoas de todas as idades.

3 –  Não coce seus olhos

Coçar os olhos é um hábito que deve ser evitado, pois a região é sensível. O ato de coçar pode causar lesões e até mesmo doenças que podem ser transmitidas pelo contato de nossas mãos com bactérias. Em casos de coceira persistente, é necessário procurar um oftalmologista. Portadores de ceratocone têm a tendência a coçar muitos os olhos porque geralmente são pessoas mais alérgicas. Por isso, é importante a consulta com um oftalmologista para diagnosticar a real causa da coceira.

 

4 – Cuidado com maquiagens

O uso de maquiagem precisa de alguns cuidados importantes. Hábito relativamente comum, usar a maquiagem de terceiros não é recomendado, já que doenças como a conjuntivite podem ser facilmente transmitidas. Além disso, é preciso remover a maquiagem antes de dormir, evitando assim, processos alérgicos que podem acontecer devido ao contato prolongado dos produtos químicos com a pele ou com os olhos.

 

5 – Controle o consumo de açúcar

Vivemos atualmente um aumento muito grande nos casos de diabetes. O estilo de vida moderno está associado a esse fato que vem preocupando autoridades médicas do mundo todo.  Independentemente de ser portador da diabetes tipo 1 ou tipo 2, é preciso fazer o controle constante do açúcar. A falta de controle da diabetes pode ocasionar problemas oculares como a retinopatia diabética, uma das principais causas de cegueira em pessoas jovens no mundo.

 

6 – Tenha muito cuidado com as lentes de contato

Além de serem armazenadas corretamente, as lentes de contato devem ser higienizadas com os produtos sugeridos pelo fabricante das lentes ou pelo oftalmologista. O grande risco no caso das lentes é o acumulo de sujeira ou bactérias, que depois entrarão em contato com os olhos, transmitindo doenças e prejudicando a visão.

 

25 jul 2017

O que é o OCT – Exame de Tomografia de Coerência Óptica

O que é o OCT – Exame de Tomografia de Coerência Óptica

exame oct para retina curitiba

O diagnóstico preciso das doenças da retina são fundamentais para um melhor tratamento e acompanhamento do paciente. O exame OCT é uma tecnologia inovadora que permite analisar detalhes anatômicos e da escavação do nervo óptico, fornecendo dados precisos da camada de fibras nervosas da retina, da mácula e do nervo óptico. Além disso, o exame permite uma visão tridimensional (3D) da retina, facilitando a análise detalhada do fundo do olho.

retina curitiba exame oct

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Indicações para realizar o exame:

Call Now Button